Premissas


 

Missão Promover, através da educação cristã, o desenvolvimento integral do educando, formando cidadãos autônomos, comprometidos com o bem-estar da comunidade, da pátria e com Deus.

Visão Ser um sistema educacional reconhecido por sua excelência, fundamentado em princípios bíblico-cristãos.

Finalidade / Propósito Restaurar o homem a seu estado original de perfeição, preparando crianças e jovens para uma existência significativa na Terra e para a vida eterna.

Objetivos A Educação Adventista compreende o processo educativo para além de um certo curso de estudos. “Significa mais do que a preparação para a vida presente. Visa o ser todo, e todo o período da existência possível do homem. É o desenvolvimento harmônico das faculdades físicas, mentais e espirituais. Prepara o estudante para o gozo do serviço neste mundo e para aquela alegria mais elevada por um mais dilatado serviço no mundo vindouro” (White, 1966a:13). Partindo do pressuposto de que o ser humano necessita ser restaurado a seu estado original de perfeição, a Educação Adventista se propõe a alcançar os seguintes objetivos:

  • Promover o reconhecimento de Deus como fonte de toda sabedoria;
  • Reconhecer e aplicar a Bíblia como referencial de conduta;
  • Estimular o estudo, a proteção e a conservação da natureza criada por Deus;
  • Incentivar a utilização das faculdades mentais na aquisição e construção do conhecimento em favor do bem comum, tendo como ferramenta as diferentes fontes de informação e recursos tecnológicos;
  • Promover aquisição de hábitos saudáveis através do conhecimento do corpo e das leis que o regem;
  • Oportunizar o desenvolvimento do senso crítico, da criatividade, da pesquisa e do pensamento reflexivo;
  • Incentivar o desenvolvimento dos deveres práticos da vida diária, a sábia escolha profissional e a formação familiar, o serviço a Deus e à comunidade;
  • Promover a autonomia e a autenticidade ancoradas nos valores bíblico-cristãos;
  • Favorecer o desenvolvimento da autoestima positiva, do sentimento de aceitação e de segurança;
  • Resgatar a prática da regra áurea nos relacionamentos interpessoais, que é amar o próximo como a si mesmo.